Rinoplastia

Cirurgia Plástica de Nariz

Correção de Cirurgias Anteriores - Rinoplastia Secundária

Dr. Wagner Montenegro possui 30 anos de experiência e já realizou mais de 1.200 rinoplastias, desenvolvendo grande expertise na cirurgia corretiva de nariz.

Qual a importância de realizar uma rinoplastia secundária?

Além do incômodo estético que uma primeira rinoplastia mal sucedida ou com resultado insatisfatório causa, há, em alguns casos, o comprometimento da função respiratória do nariz. A rinoplastia secundária visa melhorar tanto a funcionalidade quanto o aspecto do nariz, corrigindo deformações ou resultados indesejados.

Para quem é indicada?

Existem dois casos em que é indicada a rinoplastia secundária: o caso do insucesso total da primeira cirurgia – em que não há dúvidas de que é necessária uma segunda intervenção, pois existe uma grave sequela – e o caso em que há a insatisfação do paciente, quando ele não gosta do resultado obtido no primeiro procedimento. É frequente que esse descontentamento esteja dentro de uma perspectiva subjetiva do paciente, pois muitas vezes não existe um problema estético evidente. Visando essas situações, é fundamental que o cirurgião plástico converse com o paciente e verifique se é possível chegar ao resultado idealizado por ele e se é pertinente a reclamação que o motivou a buscar por uma segunda rinoplastia.
O cirurgião plástico também irá avaliar na consulta médica se o paciente tem estrutura nasal suficiente para que seja realizado o procedimento, analisando assim se ele se encaixa no perfil para uma cirurgia corretiva.

Depois de quanto tempo após a primeira cirurgia eu posso realizar a segunda?

Não há um prazo predeterminado, pois cada caso varia conforme o tipo de intervenção secundária que será realizada. O cirurgião plástico irá requisitar ao paciente exames de ressonância magnética do nariz e nasofibroscopia para avaliar com mais precisão o caso. O principal objetivo do médico é solucionar o problema do paciente o mais rápido possível. É muito raro ser necessário aguardar o período de um ano para a realização de uma segunda cirurgia.

Quais fatores devem ser observados antes da segunda cirurgia?

O sucesso da rinoplastia secundária não depende somente da capacidade do cirurgião, mas também está relacionado à quantidade de pele, fibroses, deformidades nasais e cicatrizes resultantes da primeira cirurgia.

O cirurgião plástico precisa ser especificamente qualificado para realizar a rinoplastia secundária?

Só o cirurgião plástico experiente pode avaliar se o paciente realmente deve seguir para uma rinoplastia secundária, isso está relacionado à sua experiência profissional com cirurgias de correção do nariz.
A rinoplastia secundária não é realizada da mesma maneira que a rinoplastia convencional, pois há formação de tecido fibroso cicatriciale algumas alterações próprias da rinoplastia feita anteriormente. Há também de se lembrar que as estruturas nasais estão extremamente frágeis devido aos procedimentos anteriores, portanto a rinoplastia secundária requer ainda mais cuidado e atenção, o que pode exigir, inclusive, o triplo de tempo que uma cirurgia de nariz convencional.

Qual a importância da rinoplastia estruturada (aberta)?

Nos casos em que há a necessidade, é feita a rinoplastia estruturada, procedimento no qual o cirurgião faz uma incisão entre as narinas, levanta a pele que recobre o nariz e tem total visão da estrutura nasal. Essa técnica proporciona ao cirurgião mais perspectiva sobre o que foi feito anteriormente no nariz do paciente e o que proporcionou o resultado insatisfatório, corrigindo com mais segurança os defeitos deixados pela rinoplastia anterior.